- Ache os Cursos e as Faculdades certas para você! Clique aqui!

- Bolsas de Estudo - são mais de 1.200 faculdades oferecendo descontos de até 75%! Saiba mais!

Versão para impressão     Enviar para um amigo    

Home : Artigos

Conexão Universitários e Empresas

Autor: Vinícius de Oliveira
Fonte: Portal Porvir (23/02/15)



Plataforma MyBrainstorm usa problemas reais vindos de micro e pequenos negócios para ajudar quem busca mais que teoria


Quem passa pelo funil do vestibular e chega à tão sonhada vaga na universidade, entra em um período de calmaria que dura poucos meses, até o momento em que os primeiros colegas começam a estagiar. Como nem todos têm a mesma sorte, muitos chegam às vésperas da formatura sem conseguir uma experiência comprovada para os quatro ou cinco anos de aulas teóricas, e vão enfrentar ainda mais dificuldade para se posicionar quando estiverem com o diploma na mão.


Diante de um quadro como esse, Paulo Futami (35 anos), decidiu usar a experiência que adquiriu desde cedo dentro de casa para criar a plataforma on-line MyBrainstorm, recém-nascida com o objetivo de conectar empresas e universitários por meio da resolução de problemas reais. Em vez de lidar com salas de aulas reais, decidiu apostar na oportunidade de negócio gerada por 7,3 milhões potenciais usuários, número total de universitários matriculados no país, segundo dados do Censo da Educação Superior de 2013 realizado pelo Ministério da Educação (MEC).  “Pensei que tinha que fazer algo que eu pudesse afetar um número muito maior de alunos e, para isso, só há a internet e a tecnologia”, avalia o fundador da empresa.


O espírito empreendedor para a educação foi despertado desde cedo. Os Futami atuam no setor há 45 anos, como donos escolas e faculdades em Guarulhos, na Grande São Paulo. Em 2007, Paulo deixou a sociedade que mantinha com o pai para levantar voo solo e criar uma instituição voltada para o ensino de administração, onde ficou por seis anos. Passou pela área acadêmica, pelo marketing e pelas finanças até perceber que o entrave maior estava nas regras do ensino formal. “O modelo de educação superior é muito arcaico, tanto no Brasil quanto no resto do mundo, e está a anos-luz do que as pessoas imaginam que ele deva ser”.


Com a MyBrainstorm, Paulo diz resolver dois problemas: a falta de informação e expertise que prejudica o crescimento de micro e pequenas empresas e a capacidade ociosa existente no ensino superior brasileiro. “Um aluno do quarto semestre de administração de 90% das faculdades não possui um currículo que o diferencie. Se ele não participa da empresa júnior, que é restrita a poucos, não tem como praticar. E isso importa muito dentro das empresas, que querem saber o que você fez, não o que você conhece. É o que distingue conhecimento de competência”.


Dentro do site, lançado no começo do ano, os alunos escolhem os desafios lançados pelas empresas dentro de sua área de conhecimento (comunicação, marketing, administração, TI, entre outras) e sugerem as soluções. Do outro lado, o empresário faz uma avaliação do trabalho e classifica a tarefa, que rende pontos e pode fazer com que o estudante suba no ranking de sua universidade, da cidade ou do estado.


Entre os casos surgidos logo no primeiro mês do site está o de um aluno de marketing de São Paulo que ajudou um empresário a criar um sistema de envio de mensagens SMS para grávidas. Em outra tarefa bem-sucedida, um aluno de quarto semestre de marketing que atuou ao lado de um microempresário de Manaus na estratégia virtual para uma pequena rede de farmácias.


Até o final de 2016, o presidente-executivo da plataforma espera alcançar 50 mil alunos, especialmente na rede privada. No plano de refinamento das funcionalidades, está prevista a criação de subproduto que trate os dados dos desafios para engajar universidades, que poderão saber o desempenho de suas turmas e compará-los com outras instituições. “Com isso, a faculdade vai conseguir mostrar relatórios ao MEC que provam como o aluno pratica o que é ensinado na sala de aula”.


(Acesse e conheça)

 





Versão para impressão     Enviar para um amigo